A primeira capa que fiz na Surf Portugal – uma sequência de um ainda adolescente Tiago Pires na Costa de Caparica – provocou-me uma mistura de sensações: um orgulho interior (consegui), uma frustração (podia ter feito melhor) e um objectivo (tenho de continuar a tentar). Passaram 20 anos e é absolutamente maravilhoso continuar a sentir tudo isto. Obrigado Surf Portugal.

Na capa Miguel Blanco,  um Surfista de todas as ondas.

10443613_879489138756383_3876538924363068028_n